conceito de sistema de registro de preços

SRP passo a passo

Diferenças entre licitações e SRP

Vantagens do SRP

Quais objetos devo usar o SRP

Tipos de licitações cabíveis por SRP

Pesquisa de mercado por SRP

Quantitativos nas licitações por SRP

Fase de execução do SRP por concorrência

Fase de execução do SRP por pregão

Carona

eBook grátis O Guia do Registro de Preços (SRP) em PDF
CLIQUE AQUI

Conceito de sistema de registro de preços

O Decreto Federal nº 7.892/2013, definiu a sistemática da seguinte forma:
Art. 2º  (...)
I - Sistema de Registro de Preços - conjunto de procedimentos para registro formal de preços relativos à prestação de serviços e aquisição de bens, para contratações futuras.

Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU):

Sistema de Registro de Preços (SRP) é o conjunto de procedimentos adotados pela Administração para registro formal de preços relativos à execução de serviços e fornecimento de bens.

Para o professor Jorge Ulisses Jacoby Fernandes:

Sistema de Registro de Preços é um procedimento especial de licitação, que se efetiva por meio de uma concorrência ou pregão sui generis, selecionando a proposta mais vantajosa, com observância do princípio da isonomia , para eventual e futura contratação pela Administração.

Segundo o autor, trata-se de um “procedimento especial de licitação” por não obrigar a Administração a comprar o bem ou contratar o serviço objeto da licitação. O fulcro legal deste entendimento encontra-se no art. 15, § 4o da Lei 8.666/93 :

§ 4o A existência de preços registrados não obriga a Administração a firmar as contratações que deles poderão advir, ficando-lhe facultada a utilização de outros meios, respeitada a legislação relativa às licitações, sendo assegurado ao beneficiário do registro preferência em igualdade de condições. .

O mesmo argumento justifica o que Jacoby definiu como característica “sui generis” do pregão ou concorrência , pois a ausência da obrigatoriedade na aquisição ou contratação é um dos pontos cruciais que diferenciam esta licitação de outra comum.

Em síntese, o Registro de Preços consiste em procedimento especial de licitação executado pela Administração, objetivando a aquisição de bens ou contratação de serviços desde que os objetos sejam compatíveis com sua sistemática, efetivado através das modalidades pregão ou concorrência , sem a necessidade de reserva orçamentária de recursos (que será feita apenas no momento efetivo da aquisição ou contratação ), sendo que, ao final do procedimento, é formalizado o compromisso através de uma Ata de Registro de Preços, na qual são registrados o(s) menor(es) preços apresentado(s).

Assim, a licitação por SRP terá sua desenvoltura de acordo com a modalidade adotada, que será Pregão ou Concorrência (ou seja, os prazos, divulgação etc, seguirão o formato da modalidade licitatória adotada).

Mas não apenas isto. Quando a licitação for instaurada pelo Sistema de Registro de Preços , importantes diferenças existirão face a uma licitação convencional.